Resenha: Adaptação “Sombras e Ossos” da Netflix supera os livros

A aguardada série Shadow and Bone da Netflix chegou, é hora de entrar no Grishaverse.

Sombras e ossos pode ser confusa no início, mas que fantasia envolvente não vem com uma curva de aprendizado? Quer seja O Senhor dos Anéis, Game of Thrones, As Crônicas de Nárnia, The Witcher ou Dragon Age

Há muitos elementos que farão mais sentido quando você mergulhar no mundo por si mesmo. Novas palavras, novos reinos, novos códigos morais e nova magia estão esperando por você na Dobra.

Embora haja uma boa dose de politicagem ao estilo de Game of Thrones em ação em Ravka, o elemento humano é o centro da série.

Adaptação de Sombras e ossos Supera os livros

Alina Starkov (Jessie Mei Li) é a ‘Escolhida’ de Shadow and Bone. Ela foi criada como uma órfã ao lado de seu melhor amigo de infância Malyen “mal” Oretsev (Archie Renaux) no reino fictício de Ravka, um mundo que parece muito com um Rússia com infusão de magia.

Rafka foi dilacerado pelas sombras, criando um Rafka Oriental e um Rafka Ocidental.

Contanto que você não se importe de cair na escuridão repleta de demônios, você pode visitá-los, onde há apenas uma luz que pode definir um mal alado sobre você. Eles são, reconhecidamente, muito aterrorizantes.

Como você deve ter adivinhado, este mundo também está cheio de magia. Em Sombras e ossos os usuários de magia são chamados de Grisha e são um grupo de elite de pessoas que trabalham principalmente para os militares, emprestando suas habilidades para a luta contra a Dobra e os conflitos políticos em jogo.

Grishas são humanos que praticam o que é chamado de “Pequena Ciência”, o que lhes permite manipular o mundo ao seu redor de diferentes maneiras. Existem três categorias diferentes de Grisha – Corporalki, Etheralki e Materialki.

No final do primeiro episódio, Alina revela ser a tão esperada Conjuradora do Sol, uma Grisha com a habilidade de banir a escuridão da Dobra das Sombras.

Se alguém tem luz, então haverá uma espécie de escuridão subindo para saudá-lo, certo? Essas histórias geralmente acontecem assim. O General Killigan (Ben Barnes) também será chamado de “Cavaleiro das Trevas” para começar.

Ben Barnes simplesmente exala charme em cada papel que já interpretou e Kirigan não é diferente. O General Kirigan é inteligente, charmoso e diabolicamente bom na tela.

Sua química com Alina é hipnótica, que é exatamente o que deveria ser. Eu sei que o Darkling é “o grande mal” do Grishaverse … mas se o Darkling é ruim, por que ele é tão simpático? A história por tras do seu passado não precisava ser tão difícil, mas eles fizeram isso.

Impressões de sombra e ossos

Tenho muitos livros na minha lista e não consigi ler o livro de Leigh Bardugo para formar minha própria opinião sobre os personagens de Sombras e ossos.

Quando comecei a assistir Sombras e ossos tinha três expectativas: gostaria de Darkling porque amo Ben Barnes desde os quinze anos; queria enviar Darklina porque me apaixonei por um bom navio inimigo para meus amantes, e não não gosto de Mal Oretsev por causa das passagens nos livros que li.

Caro leitor, não seja como eu. Não comesse a assistir sombras e ossos com muitas expectativas. Para aqueles que leram o livro, ou fizeram como eu, meu maior conselho é pesquisa mais sobre a serie nas redes sociais e permitir que o Twitter ou faceebook molde suas percepções dos personagens: dê a eles a chance de te surpreender.

Nos dois primeiros episódios, fiquei muito aborrecida com a existência de Mal, e então, de alguma forma, descobri que gostava dele.

Enormes esforços foram feitos na produção, tornando Mal um personagem mais desenvolvido e interessante, verdadeiramente digno do amor de Alina.

Para ser honesto, é difícil odiar Archie Renaux por interpretá-lo e odiar Mal.

Quando eu comecei a assistir a série, eu só sabia realmente da existência do Darkling, Alina e Mal, então considere minha surpresa quando meus personagens favoritos acabaram não sendo nenhum desses personagens.

Claro, eu faria quase qualquer coisa pelo Darkling, mas ele não era meu personagem favorito. Meu trio de personagens favorito, na verdade, se origina da duologia Seis de Corvos de Bardugo.

Honestamente, embora eu possa não saiba nada sobre Sombras e ossos. me sinto confiante em afirmar que esses três personagens fazem da série uma série de destaque.

Os Dregs são uma gangue de ladrões que opera em Ketterdam, a capital de Kerch. Os ladrões operam fora do Crow Club e são liderados por Kaz Brekker (Freddy Carter), que é tão fascinante.

Assim como seus cúmplices Inej Ghafa (Amita Suman) e Jesper Fahey (Kit Young), que trazem cenas incríveis para a série. Kaz e Inej têm uma conexão tão atraente que joga com um dos meus tropos favoritos, Kaz e Inej têm traumas que os impedem de querer ser tocados.

No caso de Kaz, ele passou por uma experiência traumática em sua juventude e, no caso de Inej, ela foi capturada quando era adolescente e forçada a trabalhar em uma espécie de bordel.

Olha, eu gastei muito do meu tempo imaginando quando voltaríamos às cenas com os Dregs. Eles eram tão interessantes. Um bando de ladrões destroçados superando traumas, tristezas e aprendendo a confiar uns nos outros? Me inscreva, Netflix.

Outro par de personagens que me chamou a atenção foi o Drüskelle, Matthias Helvar (Calahan Skogman) e o Grisha, Nina Zenik (Danielle Galligan). Ninguém me disse que haveria um navio composto por um verdadeiro caçador de bruxas e uma bruxa! Claro, todos esses cinco personagens se originam da duologia Six of Crows, o que atende à questão – por que esta não era a série Six of Crows? Esses personagens são todos muito fortes, envolventes e maravilhosamente falhos.

Relacionado: DOCES MAGNÓLIAS A SEGUNDA TEMPORADA NÃO CHEGARÁ NA NETFLIX EM ABRIL DE 2021

Acho que algumas questões surgirão no discurso em torno da série. Pelo que entendi, nos livros, Alina Starkov é branca, o que foi um reflexo da estética da Rússia Imperial cooptada pela história. Mas ao escalar a incrível Jessie Mei Li para o papel de Alina, eles escolheram mudar a ancestralidade da personagem para metade Shu para refletir sua própria herança asiática.

Assisti ao meu rastreador Shadow and Bone pela primeira vez nos dias seguintes ao ataque de 16 de março em Atlanta e me senti profundamente desconfortável sobre como sua herança Shu foi abordada na série.

As pessoas fazem comentários condescendentes, tentam expulsá-la da cidade, tratam-na como se ela fosse menos que humana e, claro, há o desequilíbrio de poder entre Alina e o Darkling.

Vê ele literalmente tentar prender ela e controlar seus poderes parecia perturbador.

Às vezes é difícil separar questões da vida real da emoção da fantasia.

Poderia Sombras e ossos se tornar a próxima Game of Thrones?

Elenco de Sombras e ossos

Acho que teremos apenas que esperar e ver onde os produtores decidem conduzir a série, porque a série de livros deixou alguns leitores se sentindo distintamente como os espectadores da temporada final de Game of Thrones.

A série da Netflix já fez progressos para melhorar os conceitos e relacionamentos apresentados na série de livros, mas será o suficiente para satisfazer os leitores frustrados?

Se você está disposto a mergulhar em um novo reino de fantasia expansivo e, francamente, intrigante, cheio de intrigas políticas, monstros assustadores, magia e relacionamentos complexos , Sombras e ossos pode ser uma boa opção para começa.

Sombras e ossos é uma adaptação de uma série de livros para jovens adultos, então voce nao vai presenciar cenas “picantes” como em Game of Thrones daHBO.

O elenco é fenomenal e estou confiante de que outros espectadores podem sair com uma nova apreciação por personagens inesperados por causa de suas atuações.

O mundo de Ravka parece sujo e velho e, ainda assim, às vezes, sinto como se estivesse assistindo a uma história ficcional sobre o Império Russo e seus vizinhos.

Deixe suas expectativas para trás enquanto se prepara para assistir Sombras e ossos. Você pode encontrar suas lealdades testadas, descobrir novos personagens pelos quais ficara obcecado.

MAIS:

DATA DE LANÇAMENTO, ELENCO, SPOILERS E STATUS DE RENOVAÇÃO DA TERCEIRA TEMPORADA DE MINDHUNTER