Cavaleiro da Lua episódio 6: Marc corre para salvar Steven… e o mundo (RECAPTULAÇAO)

AVISO: O texto a seguir contém grandes spoilers do episódio 6 de Cavaleiro da Lua.

Após o passeio triste e alucinante da semana passada pela vida de Marc (Oscar Isaac), o episódio final de Cavaleiro da Lua retorna as coisas ao status quo do super-herói. Temos muitas lutas, bem como uma nova roupa significativa para um determinado personagem… e quando os créditos finais terminam, percebemos que há mais em Marc do que até mesmo Khonshu (dublado por F. Murray Abraham) sabia.

Arthur (Ethan Hawke) pega o ídolo e chega à câmara dos deuses, onde mata todos os seus avatares e libera Ammit. Mesmo que sua balança não se equilibre, ela ainda quer que ele seja seu servo.

Enquanto isso, Layla (May Calamawy), que entrou furtivamente na câmara com o povo de Arthur, libera Khonshu (no caminho, Taweret [dublado por Antonia Salib] falou com ela através de um cadáver e disse que era isso que ela precisava fazer). Eles formam uma aliança desconfortável – Khonshu quer que ela seja seu avatar agora que Marc está morto, mas ela só quer sua ajuda, não para servi-lo.

Enquanto Layla e Khonshu confrontam Ammit, Marc chega ao campo de juncos… e então decide que não quer ficar. Contra a insistência de Taweret, ele volta para Steven. Depois de um discurso emocional durante o qual ele diz a Steven que ele é “o único superpoder que ele já teve”, Marc consegue libertar seu alter, e eles correm pelos portões de Osíris e voltam para o mundo real. Dentro da tumba, Marc acorda e Khonshu os salva usando o traje.

Marc e Steven vão a Khonshu e fazem um acordo: assim que essa confusão com Ammit for esclarecida, eles não o servirão mais. Enquanto isso, na câmara, Khonshu e Ammit lutaram (Khonshu saiu quando sentiu que Marc estava vivo) e Layla, tendo aprendido com o último avatar sobrevivente que Ammit poderia ser enfraquecido se ela fosse presa em uma forma humana, decide se tornar o avatar de Taweret.

Enquanto os seguidores de Arthur começam a julgar a todos, Marc desce e o ataca do topo da pirâmide, enviando-os para uma cidade. Khonshu, enquanto isso, luta com Ammit.

Apenas quando parece que Marc pode perder, Layla aparece – em uma roupa nova e legal com asas douradas da Mulher Maravilha – e salva o dia. Mas mesmo unidos, o trio de Marc, Layla e Steven não é forte o suficiente para derrotar Arthur, e Khonshu não sai vitorioso sobre Ammit.

Isto é, até que algo inesperado aconteça; Marc desmaia e, quando acorda, espancou Arthur até perder os sentidos. — Não foi você, foi, Steven? ele pergunta. “Sem chance, companheiro”, responde seu alter. Parece que estamos, de fato, recebendo aquele terceiro alter…

Layla e Marc voltam para a câmara dos deuses, onde lançam um feitiço para prender Ammit ao corpo de Arthur. Funciona, e então Khonshu insiste fortemente com Marc para matar Arthur, dizendo que se ele não o fizer, ela pode encontrar uma saída. Marc se recusa, dizendo a Khonshu que, se ele os quiser mortos, ele mesmo terá que fazer isso. “Agora, solte-nos”, diz ele.

Ele “acorda” no asilo, onde Arthur ainda é seu médico. Em última análise, ele rejeita o diagnóstico de Arthur e diz que vai salvar o mundo. Então ele acorda no mundo real, de volta ao apartamento de Steven. “Não acredito que funcionou!” Steven exclama. “Eu não posso acreditar que você vive nesta bagunça maldita”, Marc inexpressivo.

E esse é o fim… até uma cena pós-créditos, quando Khonshu tira Arthur de um hospital psiquiátrico. Na parte de trás de uma limusine, Khonshu diz a Arthur que Marc não tem ideia de quão perturbado ele realmente está.

Então a divisória desliza para baixo e ele diz ao homem para “conhecer Jake Lockley”. “Hoje é sua vez de perder”, diz Jake, o terceiro alter de Marc, em espanhol. Então ele atira em Arthur. Parece uma boa configuração para uma segunda temporada, que não foi anunciada.

Leia também: